isolar

Casa: Como isolar acusticamente

O ruído é um problema invisível e é certo e sabido que o conforto acústico está diretamente relacionado com o nosso bem estar e saúde. Isto porque ambientes ruidosos podem trazer stress, insónias, dificuldade na concentração, aumento da pressão arterial e outros problemas que queremos evitar e a solução passa por isolar acusticamente.

Portanto, quando estamos a isolar o som estamos a criar uma barreira que diminui ou (idealmente) impede a passagem de ruído do exterior para o interior ou vice-versa. Para tal  é preciso perceber qual a origem do ruído e decidir qual a zona que se pretende isolar, para que seja possível ajustar os materiais ideais.

Neste artigo dedicamo-nos a partilhar algumas soluções possíveis para isolar o som, alertando para o facto de nem sempre ser um processo barato, dado que – por norma – exige a contratação de profissionais. Apesar disso, iremos também juntar alguns pequenos truques que minimizem este problema.

Tipos de ruído

Comecemos por identificar os tipos de ruído, porque só depois de identificarmos se o som entra ou sai, se é por uma janela, porta, teto ou piso, podemos pensar no tratamento acústico adequado para resolver o problema:

– Ruídos aéreos: são os mais comuns e podem ser conversas de vizinhos, ruídos exteriores que vêm, por exemplo, dos carros. 

– Ruídos de impacto: produzidos pelas vibrações transmitidas através das estruturas da habitação.

Tipos de materiais

A escolha dos materiais dependerá de diferentes fatores, entre os quais o tipo de construção, a humidade (ou não) da parede, o peso que irá suportar, o tipo de ruído de frequência (se é alta ou baixa), a orientação da casa, etc.. Além disso, a espessura dos materiais também varia e há a ideia errada de que quanto maior a espessura, maior o isolamento. Portanto, a escolha de um material em detrimento de outro deve considerar uma série de elementos e, para isso, é importante conhecer quais os tipos de materiais disponíveis:

  • Cortiça: dos materiais com maior leveza e durabilidade, mantendo as suas propriedades inalteráveis ao longo do tempo. Além disso, é 100% natural e renovável, de fácil instalação, manipulação e corte.
  • Polietilenos: as suas lâminas são de alta qualidade, excelente resistência à compressão, deformação e altas temperaturas. Evitam ruídos de impacto e favorecem a impermeabilização.
  • Fibra têxtil: de origem têxtil, com boa capacidade de absorção acústica, podendo ser instalado em diferentes superfícies.
  • Poliuretano: disponível em espuma ou em painéis,  de diferentes tamanhos e densidades. Um dos materiais que oferece um isolamento económico e fácil de instalar, podendo ser aplicado em diferentes locais.
  • Tela betuminosa: material flexível que absorve e amortece o ruído, sendo particularmente recomendado para o isolamento de baixas frequências (sons graves).
  • Absorventes de ruído: materiais ligeiros, porosos e flexíveis capazes de transformar as vibrações do som em energia, isto é, absorvem ruídos de baixas e médias frequências, reduzindo e amortecendo os ruídos de aparelhos elétricos e exteriores.

Como isolar o som?

Pisos

No que aos pisos diz respeito, há no mercado várias opções de materiais que são adequados como mármore, granito, cerâmica, vinil, tacos de madeira, pisos flutuantes (como o laminado e a madeira) que ficam favorecidos se houver a instalação de mantas acústicas ou cortiça aglomerada. No fundo, são os materiais mais densos. 

Paredes

As paredes podem ser tratadas com materiais isolantes, em que se forma uma barreira para os sons vindos dos ambientes externos ou limítrofes, isto é, as próprias fachadas podem ser tratadas de forma a mitigar a transmissão do som para a parte interna.
Se ainda estás ou vais entrar no processo de construir a habitação, fica a saber que os tijolos maciços são um dos materiais recomendados para isolar o som, além das paredes ocas que podem ser preenchidas com revestimento acústico (lã de vidro ou rocha, por exemplo). Outro material a considerar é a madeira maciça por apresentar um alto índice de absorção de impacto.

É mesmo importante ter presente que os elementos das fachadas precisam de estar bem vedados e tratados. 

Portas e janelas

À semelhança das paredes, também nas portas a madeira maciça surge como exemplo de isolante. No caso dos portões, o mais indicado é optar por materiais espessos e sem frestas; até porque uma das formas em que o som se propaga é através do ar e qualquer brecha ou fresta para a uma área externa barulhenta é suficiente para o ruído entrar.

Em relação às janelas, não são sugeridas as de metal e, no caso das de alumínio, é importante emborrachar as esquadrias. Importante também é perceber qual o material da esquadria (PVC é o preferencial) e o tipo de vidro escolhido. 

Tetos e telhados

Caso a cobertura da casa não tenha laje, podemos e devemos recorrer a uma manta acústica para ajudar a minimizar a passagem de som. Em alternativa, podes optar por um forro acústico de madeira de gesso triplo que substitui eficazmente o isolamento acústico que a laje acrescenta.

Como isolar o som recorrendo à decoração?

Sim, é possível. Quando queremos tornar um espaço aconchegante, livre de ecos desagradáveis, que nos parecem confusos e sobrepostos, principalmente em espaços vazios, podemos recorrer a materiais capazes de absorver o som, particularmente materiais fibrosos como tecidos, tapetes, cortinas e almofadas.

– Paredes revestidas com tapeçarias, papel de parede ou madeira;
– Tapetes, carpetes e almofadas;
– Painéis de madeira;
– Estantes com livros;
– Tecidos felpudos e macios, como o veludo e o algodão;
Cabeceira da cama acolchoada.

Além destes, as texturas, as plantas e algumas superfícies com pequenos padrões geométricos também são benéficos, já que tornam o som difuso, refletindo-o em várias direções. Portanto, podemos ter desses materiais, que são absorventes e difusos, para reduzir a sensação de desconforto.

You May Also Like

tarefas domésticas

Tarefas domésticas: como envolver as crianças

Dicas para dividir ambientes integrados através da decoração

papel de parede

Como aplicar papel de parede?

remover manchas

Higiene: como remover manchas do colchão

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.